13/11/2017

Confirmado: estudo prevê retirar R$ 1 mil de professores temporários

Foto: APP-Sindicato

A direção da APP-Sindicato, juntamente com representantes dos professores com contrato temporário, esteve na Secretaria de Educação e confirmou: há mesmo um estudo em curso na Secretaria da Fazenda prevendo retirar R$ 1 mil do salário desses professores contratados pelo Processo Seletivo Simplificado-PSS.

A proposta ainda não foi efetivada porque há divisões a respeito do tema no interior do governo. Na semana passada, o próprio líder do governo na Assembleia Legislativa, Luiz Cláudio Romanelli, havia deixado clara sua posição: é frontalmente contrário a redução do salário dos professores.

O líder do PT, Professor Lemos, denunciou novamente mais este ataque planejado contra os professores e protocolou pedido ao governador Beto Richa para que suspenda o estudo.