18/12/2018

Fim da Previdência e privatizações: Ratinho deixa sua marca duas semanas antes da posse

Um balanço do governo Ratinho Jr. já pode ser feito, 14 dias antes de sua posse: foi um governo marcado pela liquidação da previdência dos servidores públicos e pela privatização desenfreada dos serviços públicos. Ratinho continuou a obra nefasta iniciada por Beto Richa e continuada por Cida Borghetti.

Foram dois projetos aprovados pela ampla maioria governista: o primeiro livra o Estado de pagar sua dívida com os servidores (depósitos não feitos no Fundo de Previdência desde 2015, no valor de mais de R$ 400 milhões) e o isenta de, a partir de já, contribuir com sua cota-parte para o Fundo; o segundo permite a privatização de todos os serviços públicos: educação, saúde, segurança e demais.

Ambos os projetos foram articulados pela equipe de Ratinho Jr. com a governadora Cida que, de muito boa vontade, acedeu aos desejos do governador eleito e enviou os projetos, contando com a certa aprovação por sua bancada, os mesmos deputados que sustentaram Beto Richa e que, no penúltimo dia da atual legislatura, propiciam ao futuro governador caminho livre para uma política de destruição.

Confira como votaram os deputados:

Lista 1

 

Autor: Roberto Elias Salomão - Liderança do PT


Portal Liderança do Partido dos Trabalhadores da Assembleia Legislativa do Paraná
Praça Nossa Senhora Salete s/n, Curitiba - PR - CEP: 80530-911
Telefone: (41) 3350-4157 / 3350-4396